MARINHA confirma Flexibilização de SSB e outras exigências para REFENO 2018

A Marinha do Brasil, através do 3º Distrito Naval e da Capitania dos Portos de Pernambuco (CPPE), acatou o pedido do Cabanga Iate Clube de Pernambuco e confirmou a flexibilização do Rádio HF (SSB) para a 30ª edição da Regata Internacional Recife Fernando de Noronha (Refeno), marcada para 29 de setembro de 2018. Com a mudança, as embarcações participantes da Refeno poderão substituir o SSB por telefone satelital (Iridium ou Inmarsat). O Cabanga complementou o pedido para que a tecnologia de comunicação por mensagem satelital (ex: InReach) também seja válida para substituir o SSB, estamos aguardando a confirmação da Marinha.

Outras flexibilizações sugeridas pelo Cabanga também foram acatadas, vejam abaixo:

. Cartas Náuticas - Será aceito um Sistema de Cartas Eletrônicas (Eletronic Chart System – ECS), instalado no aparelho de GPS/Chartplotter, como atendendo as exigências deste requisito com relação a existência de cartas a bordo;

. Epirb - Deverão ser dotadas de EPIRB registrados, podendo ser de acionamento manual (não precisará de casulo);

. Artefatos Pirotécnicos - Redução dos artefatos pirotécnicos passando a ser: 04 foguetes manuais estrela vermelha com paraquedas, 02 fachos manuais luz vermelha e 02 sinais fumígenos flutuante laranja;

. Coletes salva vidas – As embarcações poderão ser dotadas do colete classe II, no modelo canga ou jaleco, em substituição aos classe I, homologados pela DPC;

. Quadros - Ficam dispensadas da dotação dos quadros previstos no item 0421 da NORMAM-03/DPC. Entretanto, devem ter a bordo um exemplar atualizado do RIPEAM-72. O Cabanga solicitou que este documento possa ser apresentado em meio digital, estamos aguardando a resposta da Marinha;

. A Marinha também acrescentou algumas exigências sugeridas pelo Cabanga: I) As embarcações deverão ser dotadas de dois ferros (âncoras) e cabos ou amarra com um mínimo de 50 metros de cumprimento para um dos ferros e um mínimo de 20 metros para o outro e II) Dois baldes com capacidade de pelo menos nove litros, promovidos de cabo de pelo menos 6mm de diâmetro e 2 metros de comprimento

Após o anúncio, o capitão dos Portos de Pernambuco, Maurício Bravo, reforçou a parceria que o Cabanga e a Refeno têm com a instituição e comentou sobre as mudanças. “Vamos tomar providências para que todas as tripulações tenham garantidos um meio de comunicação seguro em caso de emergência no mar. Acredito que a comunidade náutica ficará feliz com a 30ª edição e vamos receber os frutos dessa parceira na 45ª edição, 50ª e na 100ª Refeno”, disse o comandante da Capitania dos Portos de Pernambuco, capitão de mar e guerra Maurício Bravo.

O conteúdo técnico das solicitações feitas pelo Cabanga foi elaborado pelo Velejador Hans Hutzler. Durante o encontro, o Cabanga foi representado pelo Diretor de Vela Oceânica e da Refeno, Leonides Alves; o contra-comodoro, Paulo Collier de Mendonça; e Emílio Russell, membro da Comissão Organizadora da regata. Pela parte da Marinha, além do Capitão dos Portos, Maurício Bravo, Hélio de Araújo, Chefe do Departamento do STA; e Milena Kássia, encarregada da Divisão de Inspeção Naval e Vistoria.

Patrocínio e Apoio

Patrocínio

Apoio Principal

Apoio

CABANGA IATE CLUBE DE PERNAMBUCO

Av. Engo. José Estelita, s/n, Cabanga, Recife-PE
CEP 50090-040
Telefone/Fax: +55 81 3428-4277 / 3428-9344 / 98244-1717
S 08 04' 48.8" - W 034 53' 26.6"

CABANGA DE MARIA FARINHA

Rua Amoaras Resort, 498, Maria Farinha, Paulista-PE
CEP 53247-610
Telefone: +55 81 3436-2626 / 98244-1717

 
 

© 2018 Cabanga Iate Clube de Pernambuco